Boa tarde. 29 de Abril de 2017
18°MIN. 
34°MÁX.
RONDONÓPOLIS - MT
  • Curta no Facebook
  • Siga no Instagram
  • Siga no Twitter


PRF não registra mortes em rodovias federais de MT

Fonte: Primeira Hora, com assessoria | Publicado em: 03/01/2017 às 08:35
  • Compartilhe


Foto: ilustrativa

A Polícia Rodoviária Federal comemorou a Operação Réveillon, 27 de dezembro a 1º de janeiro de 2017, sem o registro de mortes nos 4100 km de Rodovias federais, das cinco que são policiadas e fiscalizadas (BRs 070, 158, 163, 174 e 364), no estado.

 

“A atuação das equipes nas campanhas de educação para o trânsito, com as abordagens educativas, o posicionamento das equipes nos principais pontos de incidência de ultrapassagens indevidas, nos de maior desrespeito a velocidade permitida e a realização de testes de bafômetros, foram relevantes para a diminuição da violência no trânsito em relação ao período do Natal”, destaca o Superintendente da PRF, Arthur Nogueira.

 

Esse importante período sem registro de acidentes com mortes nas rodovias foi um fato para se comemorar, em Mato Grosso, nesse fim de ano. No período que compreende essa mesma data de 2015 para 2016, foram registradas 5 mortes.

 

As 15 bases operacionais no Estado atuaram de maneira coordenada, com as equipes diárias, com uma média de 90 policiais rodoviários federais, realizando fiscalizações nos pontos de maior movimento e utilizando os radares móveis, os bafômetros e as tecnologias que ajudam na atuação mais eficiente e pontual das equipes.

 

Apenas do dia 27 de dezembro a 1º de janeiro foram fiscalizados 5136 veículos, 5990 pessoas, realizados 1758 testes de bafômetros, 2764 pessoas foram sensibilizadas nas abordagens de educação para o trânsito e aplicadas 2688 autuações de trânsito. 

 

As Infrações com maior incidência foram: o excesso de velocidade registrada pelos radares móveis (1454 veículos) e as ultrapassagens proibidas (255). Destaca-se também que 34 motoristas foram identificados dirigindo alcoolizado e 79 passageiros e ocupantes dos veículos sem utilizar o cinto de segurança.

 

Agora no mês de janeiro, período de férias escolares, a Operação RodoVida, iniciada em 16 de dezembro em todo País, continua sua execução diária, para que o número de acidentes reduza e consequentemente o número de feridos graves e as mortes.






* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!