Mãe que matou as duas filhas já tinha passagens pela polícia

Foto: Reprodução/Facebook
Paola e Giovanna Knorr Victorazzo, tinham 13 e 14 anos
Fonte: Band Notícias

A corretora Mary Vieira Knorr, de 53 anos, suspeita de ter assassinado as filhas na região do Butantã, em São Paulo, já tinha passagens pela polícia.

 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, ela responde a quatro processos por estelionato.

 

Os corpos de Paola Knorr Victorazzo, de 13 anos, e Giovanna Knorr Victorazzo, de 14, foram encontrados na casa onde viviam na Rua Doutor Romeu Ferro, por volta das três horas da tarde do último sábado (14).

 

A PM disse que foi ao local para atender ocorrência de vazamento de gás e ao chegarem já havia uma unidade do Corpo de Bombeiros em frente à casa.

 

Apontada como suspeita, a corretora foi encontrada na mesma residência desacordada, depois de tentar o suicídio com gás. Após ser socorrida, ela foi encaminhada para o Hospital Universitário, onde ficou internada, e confessou ter sido responsável pelas mortes.


Comentários