Boa noite. 22 de Setembro de 2017
°MIN. 
°MÁX.
RONDONÓPOLIS - MT
  • Curta no Facebook
  • Siga no Instagram
  • Siga no Twitter


Venda de automóveis dispara e registra melhor agosto desde 2014

Fonte: Portal Brasil com Fenabrave, IBGE e Banco Central | Publicado em: 04/09/2017 às 09:12
  • Compartilhe


Foto: Arquivo EBC No total, 1,4 milhão de automóveis foram vendidos de janeiro a agosto

Na esteira da retomada da economia, o setor automotivo também demonstra sinais de recuperação. Dados da Fenabrave, entidade que representa as concessionárias, mostram que a venda de veículos automotivos avançou 17,7% em agosto na comparação com o mesmo período do ano passado, o melhor resultado para o mês em três anos.

 

No mês, o segmento de automóveis comerciais e leves, que é o que atende pessoas físicas, cresceu 17,75% frente a agosto do ano passado. As vendas totais, no acumulado do ano, avançaram 5,33%, com o emplacamento de 1,4 milhão de automóveis.

 

Para a entidade, o resultado é reflexo do cenário de queda nas taxas de juros, queda do desemprego e o aumento da confiança do consumidor. "A queda nas taxas de juros e as boas notícias na retração do desemprego fizeram com que a confiança do consumidor aumentasse, comentou o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.

 

Esse cenário, completou, gerou efeitos positivos na inadimplência e na concessão de crédito para os consumidores. “Além dos demais fatores positivos já citados, a influência na melhora da inadimplência começou a refletir, diretamente, na aprovação de crédito para compra destes veículos”, disse.

 

Trajetória positiva

 

Em uma semana de boas notícias na economia, os dados revelados pela Fenabrave reforçam os sinais de recuperação da economia brasileira, que já cresceu 0,2% no segundo trimestre deste ano. 

 

Na estimativa dos analistas do mercado financeiro, a previsão para este ano é de crescimento de  0,39% e, em 2018, de 2%.




* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!