Bom dia. 19 de Novembro de 2017
22°MIN. 
28°MÁX.
RONDONÓPOLIS - MT
  • Curta no Facebook
  • Siga no Instagram
  • Siga no Twitter


Casal com 21 anos de diferença se casa após diagnóstico de câncer terminal

Fonte: RedeTV! | Publicado em: 14/11/2017 às 08:09
  • Compartilhe


Foto: Reprodução/Facebook/Christine Jennifer Photography

A irlandesa Michelle Sloan, de 29 anos, casou-se com um homem de 50 anos, 21 anos mais velho que ela, após ele ser diagnosticado com câncer pancreático e ter no máximo mais quatro meses de vida. Michelle conheceu seu marido, Tommy Harris, aos seis anos de idade, quando ele tinha 27.

 

"Quando eu tinha seis anos estava andando na rua com minha avó e brincando com um balão que tinha ganhado. Acidentalmente eu o soltei e um homem pegou de volta para mim, me lembro de seus olhos gentis. Nós conversamos sobre isso recentemente e ele se lembra da ocasião também. Isso me faz perceber que o destino queria que ficássemos juntos", relembrou Michelle em entrevista ao Daily Mail. 

 

Uma década depois, Michelle e Tommy se viram novamente em um bar na cidade de Bangor, no Reino Unido. Mas ambos estavam em um relacionamento na época e só foram ficar juntos em 2014, quando ela estava com 26 e ele com 47 anos. "Quando nos reencontramos, estávamos os dois solteiros, então era o momento perfeito", contou a mulher. 

 

Após dois anos de namoro, Tommy começou a ficar doente e foi diagnosticado com um tumor maligno no pâncreas, um dos tipos de câncer que mais matam pessoas no mundo, de acordo com o Serviço Nacional de Saúde da Irlanda. 

 

A doença já havia alcançado o estágio quatro quando os especialistas disseram ao casal que o tumor era inoperável. "A notícia foi devastadora, mas Tommy sendo Tommy foi incrivelmente corajoso e encarou de cabeça erguida", contou Michelle, orgulhosa do parceiro. 

 

O casal voltou para Bangor e lá Tommy pediu a mulher em casamento, justificando que esse seria seu último desejo antes de morrer. "Claro que disse sim. Eu sabia que me casaria para ficar viúva em breve, mas queria muito fazê-lo feliz", disse.

 

A cerimônia aconteceu em 21 de fevereiro deste ano. "Foi tudo tão maravilhoso. Tive tudo o que sempre sonhei, vestido, bolo, decoração, fotografias e até uma limousine", relembrou.

 

A doença de Tommy já está em estágio avançado, de forma que ele não pode mais deixar o hospital ou prosseguir com as sessões de quimio e radioterapia, mas eles se mantêm otimistas e comemoram cada dia de vida "a mais" que ele ganhou além dos quatro meses do prognóstico.

 

Em seus votos de casamento, Michelle prometeu amar o marido "para sempre": "Se há vida depois daqui, eu estarei lá para te dar um caloroso beijo". 




* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!