Boa noite. 12 de Dezembro de 2017
27°MIN. 
33°MÁX.
RONDONÓPOLIS - MT
  • Curta no Facebook
  • Siga no Instagram
  • Siga no Twitter


Empresa chinesa amplia sistema que monitora drones

Fonte: G1 | Publicado em: 04/12/2017 às 09:28
  • Compartilhe


Foto: Divulgação/DJI Phantom 4 Pro Obsidiana, drone da DJI.

A fabricante chinesa de drones DJI anunciou nesta sexta-feira (1º) uma atualização de seu sistema que monitora essas aeronaves remotamente controladas. Agora, os pilotos poderão informar voluntariamente detalhes de seus voos.


Lançado em outubro deste ano, o AeroScope é uma plataforma voltada a autoridades de controle. É capaz de rastrear drones da própria DJI e de outras fabricantes.


O AeroScope é composto por antenas, que podem ser instaladas no entorno de aeroportos, ou transportadas em uma maleta. Ele identifica as aeronaves ao captar as ondas de rádio transmitidas do controle do piloto para o drone. O sistema pode localizar objetos distantes até 5 km. Para identificar qual aparelho está voando, a plataforma capta informações como:


número de série ou registro;

telemetria básica (como localização, altitude, velocidade e direção).

 

A novidade é que agora, os pilotos de drones da DJI poderão optar por informar previamente onde, quando e em que condições irão levantar voo.

 

Com o AeroScope instalado, esses dados são recolhidos automaticamente, independe da vontade do controlador. O intuito da DJI com o AeroScope é fornecer uma ferramenta para a polícia e autoridades de controle identificarem drones que sobrevoem áreas sensíveis, como aeroportos.


No começo de novembro, um drone invadiu o espaço aéreo de Congonhas (SP), em São Paulo, e causou diversos problemas, como:
mais de duas horas de instabilidade na operação do terminal;


35 voos foram desviados para Cumbica (Guarulhos), Viracopos (Campinas), Ribeirão Preto e outros estados;


impacto financeiro de mais de R$ 1 milhão, segundo a Associação Brasileiras das Empresas Aéreas (Abear).


Segundo a DJI, o aeroporto de Frankfurt, na Alemanha, e terminais da China já utilizam a tecnologia.


Privacidade


O AeroScope reúne as informações transmitidas por drones em receptores locais, que não possui conexão à internet. Segundo a DJI, essa característica do sistema preserva a privacidade dos pilotos de drones e evita que as autoridades tenham que montar uma base de dadas.




* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!