Boa noite. 23 de Abril de 2018
20°MIN. 
33°MÁX.
RONDONÓPOLIS - MT
  • Curta no Facebook
  • Siga no Instagram
  • Siga no Twitter
  • :
  • :


Experiências AgTechs serão apresentadas no encontro Summit AgriHub

Fonte: Ascom Famato | Publicado em: 16/04/2018 às 10:02
  • Compartilhe


O encontro Summit AgriHub, que ocorrerá de 18 a 19 de abril, no Cenarium Rural em Cuiabá-MT, vai trazer experiências AgTechs do Brasil – termo que refere-se às empresas de tecnologia aplicadas ao agronegócio. Uma delas é a EsalqTec Incubadora Tecnológica – órgão que atua junto com a Esalq/USP (Escola Superior de Agricultura Luiz de Quieróz/Universidade de São Paulo).

 

A incubadora é um centro de apoio a empreendedores da área tecnológica ligados ao agronegócio. Incentiva e dá suporte à criação de startups, micro e pequenas empresas de inovação.

 

Este case de sucesso será apresentado no painel “Experiências AgTechs no Brasil”, no dia 19/04, a partir das 14h, e quem vai contá-lo será o gerente executivo da incubadora, Sérgio Marcus Barbosa.

 

Em sua palestra sobre “O Vale do Piracicaba/Agtech Valley e sua conexão aos Ecossistemas Tecnológicos do Brasil”, Sérgio apresentará como está ocorrendo o desenvolvimento de ecossistemas Agtechs no Brasil, com ênfase em três experiências já concretizadas: o AgriHub, de Mato Grosso, o SRP Valley, de Londrina-PR, e o Vale do Piracicaba, de Piracicaba-SP.

 

Segundo o Sérgio, o produtor rural terá conhecimento de um cenário muito importante para o agronegócio, ou seja, a pesquisa e as inovações sendo desenvolvidas nestes locais, envolvendo instituições de ensino, pesquisa e empresas.

 

“Esta composição é fundamental para que o Brasil tenha no agronegócio como o único setor da economia que realmente desenvolve tecnologia própria e, como consequência prática, concede uma independência na geração do conhecimento, inovações tecnológicas fortalecendo o produtor para que ele continue liderando a revolução positiva no campo, tanto em produtividade como em sustentabilidade”, afirma o gerente executivo.

 

O painel terá como mediador o superintendente do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e heard do AgriHub Daniel Latorraca. “Vamos fomentar um programa de inovação para tornar Mato Grosso um local atrativo ao desenvolvimento tecnológico. O que notamos hoje é que o mundo está mudando, os países estão adotando tecnologias digitais e sabemos que essa é a grande indústria do mundo. Mato Grosso tem a oportunidade de se posicionar e ser um grande hub na agricultura”, diz Latorraca.

 

Para enriquecer ainda mais este debate, também estará presente o engenheiro-agrônomo e presidente do Instituto Siccob e vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil Japão do Paraná e SRP Valley George Hiwaiwa.

 

SOBRE O EVENTO – O encontro Summit AgriHub é uma iniciativa do programa AgriHub, realizado pela Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT).

 

O evento está dividido em quatro fóruns que irão acontecer no dia 18/04 e a grande conferência que será no dia 19/04. São mais de 40 palestrantes e debatedores.

 

Entre os participantes estarão produtores rurais, comunidades AgTech, startups, investidores, universidades e institutos de pesquisas.

 

Dentro da programação haverá debates sobre diversos temas como: experiências e primeiros resultados da Rede de Fazendas Alfa; iniciativas de empresas que investem em tecnologia e internet das coisas; como transformar pesquisa e desenvolvimento em inovação; como acelerar a chegada das inovações no campo e as perspectivas da extensão rural; desafios do ecossistema de empreendedorismo, inovação em Mato Grosso; demonstrações de cases de sucesso; tendências que vão moldar o futuro da agricultura e experiências AgTechs no Brasil.

 

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site http://summit.agrihub.org.br/ ou pelo telefone (65) 3928-4421.

 

Programação completa: http://www.sistemafamato.org.br/portal/arquivos/14042018123740.pdf

 





* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!